PEÇA E LHE SERÁ CONCEDIDO

Posted by Carlos Miranda

PEÇA E LHE SERÁ CONCEDIDO

Peça e lhe será concedido
Esther e Jerry Hicks
(Os Ensinamentos de Abraham)

Como editor deste blog, quero dizer que já li muitos livros e esse, com certeza, é um dos melhores e mais completos no que diz respeito à evolução espiritual e financeira. Apresento a seguir algumas frases que eu julgo serem as principais, o que não substitui a importância da leitura integral do livro em si mas dá uma boa idéia do quê ele pode ensinar. Bom proveito:

Uma seleção das melhores frases feita por Tom R. especialmente para o blog MAIS DE MIL FRASES DE EFEITO.
Se reproduzir este texto em algum outro veículo de comunicação, preserve os créditos acima.


“Como podemos alcançar nossas metas mais efetivamente?”.
A resposta foi: “Meditação e afirmações”.

É nosso poderoso desejo que vocês fiquem alegres onde vocês estão exatamente agora, nesse momento – não importa onde vocês estão. Entendemos quão estranhas essas palavras podem soar para vocês se vocês estão num lugar que parece tão distante do lugar onde vocês querem estar. Mas é nossa promessa absoluta para vocês que quando vocês entenderem o poder de sentirem-se bem agora, não importando mais nada, vocês terão a chave que possibilitará qualquer estado de ser, qualquer estado de saúde, qualquer estado de prosperidade, ou qualquer estado de qualquer coisa que vocês desejem.

Aqui você encontrará uma série de processos que o assistirá na reconexão com sua parte não física, processos que o ajudarão a alcançar qualquer coisa que você deseje. E quando você aplicar esses processos, e conforme sua memória desperta para as poderosas Leis do Universo, você naturalmente sentirá que o gosto da alegria pela vida irá retornar.

Você sabia, antes de seu nascimento físico, que você era a Fonte de Energia, especificamente focada nesse corpo físico e você sabia que a pessoa física que você se tornaria não poderia nunca estar separada de quem você se originou. Você entendeu, assim, sua conexão eterna com aquela Fonte de Energia.

Já que sabemos quem você é, vamos ajudá-lo facilmente a lembrar-se de onde você vem.
Já que sabemos o que você deseja, vamos guiá-lo facilmente a ajudar-se para o que você deseja.

Não há nada que você não possa Ser, Fazer ou Ter

Você Cria Sua Própria Realidade

Você nasceu com um conhecimento natural de que você cria sua própria realidade. E, na realidade, esse conhecimento é a base interior que quando alguém atenta contra sua própria criação, você sente uma discordância imediata dentro de si.

Você nasceu sabendo que você é o criador de sua própria realidade e – embora esse desejo de fazer isso pulse dentro de você de uma maneira poderosa - quando você começa a viver em sua sociedade, você começa a aceitar a realidade que outros sustentam em relação à maneira como sua vida deve ser vivida.

Mas, ainda, dentro de você vive o conhecimento de que você é o criador de sua própria experiência de vida, de que a liberdade absoluta existe como a base de sua verdadeira experiência e de que o resultado da criação de sua experiência de vida é de sua absolutamente responsabilidade.
Você nunca gostou de alguém dizendo a você o que fazer. Você nunca gostou de ser dissuadido de seus próprios impulsos poderosos. Mas com o tempo, com bastante pressão daqueles que o cercam, que pareciam convencidos de que suas práticas eram mais validas que a sua (e até mesmo melhores), você gradualmente começou a liberar sua determinação de conduzir sua própria vida.
Constantemente você achou fácil simplesmente adaptar-se às idéias deles de que era melhor para você do que tentar se individualizar por si mesmo. Mas nessa adaptação aos intentos de sua sociedade de fazer você se assemelhar a ela, e em sua própria intenção de ter menos problemas, você involuntariamente renunciou à seu mais básico fundamento: sua total e absoluta liberdade de criar.

Você não desistiu dessa liberdade tão facilmente, no entanto. E, na verdade, você não pode desistir, pois ela existe como o principio mais básico de seu ser.

Talvez a questão que mais freqüentemente ouvimos de nossos amigos físicos seja: Por que está demorando tanto eu chegar onde quero?

Não é porque você não queira o bastante.
Não é porque você não seja inteligente o bastante.
Não é porque você não mereça o bastante.
Não é porque o destino está contra você.
Não é porque alguém já ganhou o seu prêmio.

A razão pela qual você não atingiu seu desejo ainda é porque você está segurando-se num padrão de energia que não combina com a vibração de seu desejo. Essa é a única razão – sempre!

Assim, agora, a única coisa que você precisa fazer é gentil e gradualmente, passo a passo, liberar seus pensamentos de resistência, que são os únicos fatores não permissores envolvidos. O aumento do alivio será o indicador de que você está liberando resistência assim como o aumento de seus sentimentos de tensão, ira, frustração e assim por diante são indicadores de que você tem agregado-os à sua resistência.

Você e o que você chama Fonte são a mesma coisa.
Você não pode estar separado da Fonte.
A fonte nunca está separada de você.

Queremos ajudar você a permitir conscientemente sua conexão, com mais tempo dedicado à Fonte.

Esse livro não é sobre a expansão do Universo, ou sobre a Fonte responder cada pedido seu, ou sobre seu mérito – pois tudo isso já lhe é dado. Esse livro é sobre você se colocar num estado vibracional de receber tudo pelo qual tem pedido.

Você pede através de sua atenção, através do querer, através de seu desejo – esse é o pedir (deseje você que aconteça ou deseje que não aconteça, você está pedindo...). Você não tem que usar suas palavras. Você tem apenas que sentir em seu ser “Eu desejo isso. Eu adoro isso. Eu aprecio isso” e assim por diante. Esse desejo é o começo de toda a atração.

É nosso desejo que você se torne alguém feliz com o que você é e com o que você tem – ao mesmo tempo em que se põe ansioso por mais. Essa é a vantagem favorável da boa criação: estar na eminência do que está para acontecer, sentir-se entusiasmado, em excitada antecipação – sem impaciência, sem duvidar, sem achar-se desmerecedor, pois esses são impeditivos do estado da recepção.

Para o quê você tem dado sua atenção?
Independente do para o quê você está dando sua atenção, isso faz com que você emita uma vibração e as vibrações que você emite se assemelham a seus pedidos, que se assemelham a seu ponto de atração.
Se há algo que você deseja e ainda não tem, coloque sua atenção sobre isso e, pela Lei da Atração, isso virá para você.

Contudo, se há algo que você deseja e ainda não tem, e coloca sua atenção em um estado de não ter, então a Lei da Atração continuará a combinar-se com esse estado de não ter vibracional e você continuará não tendo aquilo que deseja. Essa é a Lei.

Como posso saber o que estou atraindo?
A chave para trazer para sua experiência algo que você deseja é praticar a harmonia vibracional com o que você deseja. E a maneira mais fácil de praticar a harmonia vibracional com o desejo é imaginar-se tendo o que deseja, imaginando que o que você deseja já está em sua experiência, fazer fluir seus pensamentos ao encontro do prazer da experiência; e conforme você pratica aqueles pensamentos e começa a consistentemente oferecer aquela vibração, você estará no estado de permitir aquilo em sua experiência.

Agora, através do ato de prestar atenção à forma como se sente, você pode facilmente saber se você está dando atenção ao seu desejo ou se está dando atenção à ausência do que deseja. Quando seus pensamentos são vibrações similares a seu desejo, você se sente bem – sua escala emocional pode variar do contentamento à expectativa do prazer. Mas se você está dando sua atenção à falta, ou ausência do seu desejo – suas emoções vão variar dos sentimentos de pessimismo para a preocupação, para a ira, para a insegurança, para a depressão.

Suas emoções proporcionam um maravilhoso sistema de orientação para você. E se você prestar atenção a elas você será capaz de guiar-se para qualquer coisa que deseje.

Você recebe aquilo no qual pensa, queira ou não

Pela poderosa Lei Universal da Atração, você tráz para sua vida a essência de qualquer coisa em que pense predominantemente. Se você predominantemente pensa sobre as coisas que você deseja, suas experiências de vida refletem essas coisas. E, da mesma forma, se você predominantemente pensa sobre o que você não quer, suas experiências de vida atrairão aquelas coisas.

É como quando você planeja um evento futuro. Quando você está apreciando, você está planejando. Quando você está preocupado, você está planejando (preocupar-se é usar sua imaginação para criar algo que você não quer).
Cada pensamento, cada idéia, cada Ser, cada coisa, é vibração, e quando você foca sua atenção em alguma coisa, mesmo por um curto período de tempo, a vibração de seu Ser começa a refletir a vibração daquilo para o qual você está dando sua atenção. Quanto mais você pensa sobre isso, mais você vibra isso; quanto mais você vibra, mais você atrai aquilo para você. Aquela direção da atração continuará a crescer até que uma vibração diferente seja oferecida por você. E quando uma vibração diferente é oferecida, as coisas que correspondem àquela vibração são puxadas para você, por você.
Quando você entende a Lei da Atração, você nunca mais fica surpreso pelo que ocorre em sua experiência, pois você entende que convidou cada parte daquilo para ela – através do processo do seu próprio pensamento. Nada pode ocorrer em sua experiência de vida sem seu convite, que acontece através de seu pensamento.
E uma vez que você entenda que você obtém aquilo no qual pensa e, igualmente importante, quando você está consciente dos seus pensamentos, então você está na posição de exercitar absoluto controle de sua própria experiência.

Seu desejo de melhorar sua condição financeira não pode se tornar realidade se você sempre inveja a boa fortuna de seus vizinhos, pois a vibração de seu desejo e a vibração da inveja são sentimentos de vibrações diferentes.

Embora possa parecer estranho, será de ajuda para você começar a aceitar-se como um Ser Vibracional, pois esse é um Universo Vibracional no qual você vive e as Leis que o governam são baseadas em Vibrações.

Assim que você se torna consciente das Leis Universais e adquire o conhecimento do porque as coisas respondem da maneira como respondem, todo o mistério e confusão serão substituídos pela clareza e entendimento. Dúvida e medo serão substituídos pelo conhecimento e confiança, incerteza será substituída pela certeza – e a alegria virá como premissa básica de sua experiência.

Você não pode desejar algo, focar-se predominantemente na ausência desse algo e esperar recebê-lo, pois a freqüência vibracional da ausência e a freqüência vibracional da presença são freqüências diferentes. Outra forma de dizer isso é: Seus desejos e suas crenças precisam estar equiparadas vibracionalmente de forma que você receba o que deseja.

A “Arte da permissão” é a arte de não resistir mais ao Bem-Estar que você merece; o Bem-Estar é natural; o Bem-Estar é sua herança, sua Fonte e seu Ser.

Abra as comportas e deixe seu Fluxo de Bem-Estar entrar

Veja a si mesmo, exatamente onde você está agora, como o beneficiário do poderoso Fluxo de Bem-Estar. Tente imaginar que você está se deliciando com a fluidez desse Fluxo. Faça um esforço para sentir-se como o beneficiário da Linha de Ponta desse fluxo ilimitado e sorria tentando aceitar que você é merecedor disso.
Queremos que você entenda que se não houvesse pensamentos de resistência aos quais você foi exposto ao longo de sua jornada física que não estavam alinhados com o fluxo do Bem-Estar, você seria, exatamente agora, um receptor completo daquele Fluxo, pois você é, literalmente, uma extensão dele.

Você e a forma como se sente, são os responsáveis pelo que deixam entrar em sua herança do Bem-Estar ou não. E enquanto aqueles a seu redor podem influenciá-lo mais ou menos, para permitir ou não o Fluxo,isso é de responsabilidade sua. Você pode abrir as comportas e deixar vir seu Bem-Estar ou pode escolher pensamentos que mantenham você em conflito em relação ao que é seu – mas, permitindo ou resistindo, o fluxo está constantemente fluindo para você, sem nunca cessar, sem nunca cansar-se, sempre ali para sua reconsideração.

Nada tem que mudar em seu ambiente ou nas circunstâncias que cercam você para que você comece a permitir deliberadamente sua própria conexão com o Fluxo de seu Bem-Estar. Você pode estar numa prisão, você pode ter sido diagnosticado de uma doença terminal, você pode estar enfrentando falência financeira, ou pode estar no meio de um divórcio. Ainda assim, você está no lugar perfeito, exatamente agora, para começar. E queremos que você entenda que isso não vai requerer uma grande quantidade de tempo, pois isso requer apenas um simples entendimento das Leis Universais e uma determinação de se mover adiante para o estado de permissão.

Você é um Transmissor e Receptor Vibracional

Mais que o ser material que você conhece como você – você é um Ser Vibracional. Quando alguém olha para você, ele vê com os olhos dele e escuta você com os ouvidos dele, mas você está apresentando-se para ele e para o Universo numa forma muito mais enfática do que pode ser visto ou ouvido: Você é um transmissor vibracional e um sinal em amplitude em cada momento de sua existência.
Quando você está focado nesse corpo físico e enquanto está consciente, você constantemente projeta um sinal bem específico, facilmente identificável, que é instantaneamente recebido, entendido e respondido. Imediatamente, suas circunstâncias presentes e futuras começam a mudar em resposta ao sinal que você está emitindo agora. E, assim, todo o Universo, exatamente agora, é afetado pelo que você está emitindo.

Seus sentimentos são os representantes de seu sistema de orientação. Em outras palavras, a maneira como você se sente é seu verdadeiro indicador do seu alinhamento com a Fonte e do seu alinhamento com suas próprias intenções.

A única maneira de desativar um pensamento é ativando outro. Em outras palavras, a única maneira de deliberadamente tirar sua atenção de um pensamento é dar sua atenção a outro.

Quando você dá sua atenção a qualquer coisa, a vibração, inicialmente, não é muito forte, mas se você continua pensando ou falando sobre aquilo, a vibração se torna mais forte. Assim, com atenção suficiente a qualquer tema, esse tema pode se tornar um pensamento dominante. Quando você dá mais e mais atenção para qualquer pensamento e quando você foca-se nele e pratica a vibração dele – o pensamento se torna uma grande parte de sua vibração.

Por causa da Lei da Atração estar atrás da expansão dos seus pensamentos, não é possível dar sua atenção a algo sem atingir o alinhamento com esse algo em algum nível. E assim, quanto mais você pondera sobre o pensamento, e quanto mais freqüentemente você retorna a ele, mais forte seu alinhamento vibracional se torna.

Sua atenção para aquilo, convida aquilo a vir
Cada pensamento para o qual você dá sua atenção se expande e se torna uma grande parte de sua mistura vibracional. Seja um pensamento de algo que você queira ou de algo que você não queira – sua atenção a ele, convida-o a entrar em sua experiência.

Desde que esse é um Universo baseado na atração, não existe tal coisa como exclusão. Tudo é sobre inclusão. Assim, quando você vê algo que gostaria de experimentar e foca sua atenção dizendo “sim” àquilo, você o inclui em sua experiência. Mas quando você vê algo que não gostaria de experimentar e foca sobre aquilo, você também inclui aquilo em sua experiência. Você não convida aquilo com seu “sim” e exclui com seu “não”, pois não há exclusão nesse Universo baseado na atração. Seu foco é o convite. Sua atenção àquilo é o convite.
Assim, aqueles que são bastante observadores prosperam em tempos bons, mas sofrem em tempos ruins porque o que estão observando, já estão vibrando; e quando estão observando, estão incluindo em sua expressão vibracional; e quando incluem, o Universo aceita como o ponto de atração deles – e dá a eles mais da essência daquilo que estão observando. Portanto, para um observador, quanto mais ele observa o que é bom, melhor ele consegue; ou se observa o pior, pior recebe. Porém, alguém que é um visionário, prospera o tempo todo.

Com sua prática de atenção a qualquer tema, a Lei da Atração libera circunstâncias, condições, experiências, outras pessoas e toda a sorte de coisas que se harmoniza com sua vibração habitual dominante. E quando as coisas começam a se manifestar ao seu redor, coisas que se equiparam com os pensamentos que você tem mantido, você desenvolve hábitos vibracionais cada vez mais propensos e mais fortes.
E assim, seus pensamentos que eram pequenos e insignificantes evoluem para uma poderosa convicção – e suas crenças poderosas serão praticadas em sua experiência.

As emoções são indicadores de seu ponto de atração
Suas emoções são seus indicadores do conteúdo vibracional de seu Ser, a todo momento. Assim, quando você se torna consciente do sentimento de suas emoções, você também pode estar consciente da vibração que está emitindo. E uma vez que combine seu conhecimento sobre a Lei da Atração com sua consciência da vibração que está emitindo no momento presente, então você terá controle integral de seu próprio poder do ponto de atração. Com esse conhecimento, você agora pode orientar sua experiência de vida de qualquer maneira que você escolher.

Da mesma maneira que os escultores moldam o barro na criação que lhes dá prazer, você cria através da Energia moldadora. Você molda através de seu poder de foco – pensando sobre coisas, lembrando-se de coisas e imaginando coisas. Você foca a Energia quando fala, quando escreve, quando escuta, quando está em quietude, quando se lembra e quando imagina – você foca a Energia através da projeção do pensamento.

Os Três Passos para Qualquer Coisa que Você Queira Ser, Fazer ou Ter
O Processo Criativo é conceitualmente único e simples. Consiste de apenas três passos:
. Passo 1 (sua parte) Você pede.
. Passo 2 (não é sua parte): A resposta é dada.
. Passo 3 (sua parte): A resposta que foi dada precisa ser recebida ou permitida (você tem que deixá-la vir).

Quando você pede, lhe é concedido. Sempre.
Às vezes, seu “pedido” é feito através de suas palavras, mas na maioria das vezes ele emana de sua vibração como um fluxo constante de sua preferências pessoais aguçadas, cada uma construindo a próxima e, cada uma, respeitada e respondida.
Toda pergunta é respondida. Todo desejo é atendido. Toda oração é respondida. Todo anseio é garantido. Mas a razão pela qual muitos argumentam essa verdade, mantendo exemplos de desejos não atendidos de suas próprias experiências de vida, é que eles ainda não entenderam e não completaram o importante item do Passo 3 – pois sem a completude desse passo, a existência do passo 1 e 2 não são percebidas.

O Passo 3 é a aplicação da Arte da Permissão. Essa é a razão verdadeira da existência de seu sistema de orientação. Esse é o passo por meio do qual você sintoniza a freqüência vibratória do seu Ser para harmonizar-se com a freqüência vibratória de seu desejo. Da mesma forma que seu dial de rádio precisa estar sintonizado para se harmonizar com a freqüência da estação que você deseja escutar, a freqüência vibratória de seu Ser precisa se harmonizar com a freqüência de seu desejo. E chamamos a isso de “Arte da Permissão” – que é permitir o que você está pedindo. A menos que você esteja no modo de receber, seus pedidos, mesmo que sejam respondidos, parecerão não respondidos para você; suas orações parecerão não atendidas e seus desejos não estarão completos – não porque seus pedidos não foram ouvidos, mas porque suas vibrações não estão harmonizadas e você não permite que eles apareçam.

Normalmente – mesmo quando você acredita que está pensando sobre algo que você deseja, você está na verdade pensando exatamente sobre o oposto do que deseja. Em outras palavras, “Quero estar bem; Não quero estar doente”, “Quero ter segurança financeira; Não quero ter necessidade de dinheiro”; “Quero viver uma relação perfeita; Não quero ficar sozinho”.

Você pode dizer, pela forma como se sente, exatamente o que está criando.

Sua atenção precisa estar nisso, não na falta disso

No momento em que você emite uma preferência, a Fonte de Energia recebe seu pedido vibracional e, pela Lei da Atração, imediatamente lhe dá respostas, respostas que você precisa alinhar vibracionalmente.

A razão pela qual você não está sempre consciente de que seus desejos foram respondidos é que normalmente há um espaço de tempo entre seu pedido (Passo 1) e sua permissão (Passo 3). Embora um desejo claro tenha sido emanado de você como um resultado do contraste que você vivenciou, você normalmente, ao invés de dar atenção ao desejo puramente, se focaliza de volta à situação contrastante que fez nascer o desejo. E fazendo isso, sua vibração é mais sobre a razão do desejo do que sobre o desejo mesmo.
Por exemplo, seu automóvel está ficando velho e começando a exigir consertos... e quando você começa a perceber a perda de beleza dele, você se pega desejando um novo carro. E como você deseja muito aquele sentimento de confiança que um carro novo tráz, um rojão de desejo emana de você e a Fonte o recebe completamente e responde, de certa forma, imediatamente.
Mas como você não estava consciente sobre as Leis do Universo e os três passos do processo da criação, aquele feliz e fresco sentimento foi pouco em você. E você, ao invés de imediatamente voltar sua atenção em direção ao novo desejo e continuar ponderando a idéia de um novo e delicioso veículo (de forma a alinhar a harmonia vibracional com a nova idéia) você se volta para o veículo que possui agora, sinalizando as razões pela qual deseja um carro novo. “Esse carro velho não me satisfaz mais”, você conclui, não percebendo que - olhando para aquele carro que não o satisfaz mais - você está sintonizando sua vibração de volta a ele e não em direção ao novo carro que deseja. “Eu realmente preciso de um novo carro”, você explica, analisando o amassado, as partes quebradas e a performance duvidosa do carro velho.
Com cada declaração de necessidade a justificativa por um novo carro, você involuntariamente reforça a vibração de sua situação insatisfatória e, fazendo isso, você continua se mantendo desalinhando de seu novo desejo e fora do modo de recepção do que você está pedindo.

Assim que você se torna mais consciente do que não quer relacionado a uma situação, o que você quer não pode vir para você. Em outras palavras, se você está pensando predominantemente sobre seu lindo carro novo, então ele realmente está no caminho para você, mas se você está pensando predominantemente sobre seu carro atual, de potência duvidosa, seu novo carro não tem como chegar para você.

Como você gira a chave para criar cada desejo
Uma vez que você entenda que seus pensamentos se emparelham ao seu ponto de atração e que a maneira como você se sente indica seu nível de permissão ou resistência, você gira a chave para criar qualquer coisa que deseja.

Não é possível que você sinta emoções positivas consistentes sobre algo e tenha algo ruim, assim com não é possível você se sentir consistentemente mal a respeito de algo e obter algo bom – pois a maneira como você se sente lhe dirá se você está permitindo seu Bem-Estar natural ou não.

Embora não haja uma fonte de doenças, você pode emitir pensamentos que não permitam o fluxo natural de seu bem-estar assim como pode emitir pensamentos que não permitam o fluxo natural de sua abundância, mesmo não havendo uma fonte de escassez. O Bem-Estar está constantemente em seu caminho, e se você não aprendeu pensamentos que diminuem ou que restrinjam-no, você o está vivenciando em todas as áreas de sua vida.

Quando você está apreciando algo, você está em harmonia vibracional com quem você realmente é. Quando você ama alguém, ou a si mesmo, você está em harmonia vibracional com quem você é. Mas se você está se achando em falta consigo ou com outra pessoa, você está – naquele momento – emitindo uma vibração que não se harmoniza com quem você realmente é; e a emoção negativa que você sente é seu indicador de que você introduziu uma vibração de resistência e de que não está permitindo sua conexão entre seus eus físico e não físico.

Normalmente nos referimos àquela parte Não Física sua como seu Ser Interior, ou sua Fonte. Não é importante o que você chama de Fonte de Energia, ou Força de Vida, mas é importante que você esteja consciente de quando você está permitindo uma completa conexão com ela e quando você a está restringindo de alguma forma – e suas emoções são seus indicadores constantes de seu nível de permissão ou de resistência daquela conexão.

Quando você espera por algo por um longo tempo sua convocação de poder é muito melhor do que se estivesse pensando sobre aquilo pela primeira vez no dia. Também, quando você considera o que quer por algum tempo, tendo experienciado o contraste que o ajudou a se tornar mais especifico sobre o desejo, seu desejo incita-se de uma maneira mais poderosa.

Quando você está pensando sobre algo que você já vem querendo por um longo tempo e, nesse momento, você está percebendo que ainda não aconteceu, uma forte emoção negativa se apresenta em você, pois você está pensando em algo que tem uma forte energia, com a qual você não está alinhado vibracionalmente. No entanto, se você está pensando sobre algo que você vem querendo por um longo tempo e você está imaginando que está acontecendo, então sua emoção é de antecipação ou impetuosidade.
Assim, você pode dizer pela forma como se sente, que nesse momento você está em harmonia com seu desejo ou com a ausência dele.

Não é sobre controlar pensamentos, é sobre orientar pensamentos

Não estamos encorajando-o a se esforçar para controlar seus pensamentos, ao invés disso, empenhe-se em orientá-los. E isso não é nem mesmo a respeito de orientar seus pensamentos, mas sobre atingir sentimentos, pois atingir a forma como você quer se sentir é uma maneira simples de manter seus pensamentos em alinhamento vibracional com o que você acredita que é bom.

Quando você pratica um pensamento, ele se torna dominante

Quando você foca consistentemente em determinado tema, causando uma ativação vibratória consistente, esse pensamento se torna uma prática ou dominante. E uma vez que isso ocorra, as coisas que se harmonizam irão manifestar seu pensamento dominante a seu redor.
Da mesma forma, aquele pensamento anterior é convidado por outros pensamentos que se harmonizam – agora as coisas que se harmonizam com seu pensamento dominante começarão a mostrarem-se em sua experiência: artigos de revista, conversas com amigos, observações pessoais... o processo da atração começará a se tornar muito aparente. Uma vez que sua atenção focada ativou suficientemente uma vibração dominante, as coisas – desejadas ou não desejadas – começarão a acontecer desenhando seu caminho em sua experiência pessoal. É a Lei.

É esperado que você prospere, que se sinta bem. Você é bom, é amado, e o Bem-Estar está constantemente fluindo para você e, se você permiti-lo, ele se manifestará de todas as formas em sua experiência.

Qualquer tema para o qual você esteja dando sua atenção, já está pulsando uma vibração de energia. E quando você mantém sua atenção sobre isso, você começa a vibrar como se esse tema vibrasse. A cada momento que você foca no tema, e a cada momento que emite a vibração, se torna mais fácil fazer isso da próxima vez, até que, com o tempo, você desenvolve um tipo de propensão vibratória. E, como a prática de qualquer coisa, vai ficando mais e mais fácil. E com foco o bastante nesse pensamento e com a prática dessa vibração, você constrói o que você chama de crença.
Uma crença é apenas uma vibração prática. Em outras palavras, uma vez que você tenha praticado um pensamento por tempo suficiente, começa a alcançar o âmago daquele pensamento, a Lei da Atração o levará facilmente para a vibração completa de sua crença. Assim, a Lei da Atração aceita aquela crença como seu ponto de atração e lhe traz coisas que se relacionam com aquela vibração. Então, como você tem experiência de vida que se harmoniza com aqueles pensamentos que estava considerando, você conclui “Sim, essa é a verdade”. E embora seja acurado chamar de “verdade”, preferimos chamar de atração, ou criação.

Qualquer coisa para a qual você dê sua atenção, se tornará sua “verdade”. A Lei da Atração diz que isso é necessário. Sua vida, e a vida de todo mundo também, não é nada mais do que o reflexo da predominância de seus pensamentos. Não há exceção quanto a isso.

Apenas quando você escolher deliberadamente a direção de seus pensamentos você poderá deliberadamente afetar seu próprio ponto de atração.

Quando você está completamente focado em seu desejo (e sua vibração está emitindo o reflexo puro daquilo), você se sente maravilhoso. E quando seu foco é sobre a falta do que você realmente quer, você se sente muito mal. Suas emoções sempre lhe permitem saber exatamente onde está seu ponto de atração; assim, prestando atenção à suas emoções e emitindo deliberadamente os pensamentos que afetam a forma como você se sente, você pode guiar-se conscientemente em direção à freqüência vibratório que irá permitir o preenchimento de qualquer desejo que você mantém.

Você pode aceitar-se como um Ser Vibracional?

A maioria de nossos amigos físicos não estão acostumados a ver suas vidas em termos vibracionais; e também não estão acostumados a pensar sobre si mesmos como uma estação de rádio (transmissor e receptor) – mas você vive num Universo Vibracional e você é mais Energia, Vibração e Eletricidade do que imagina. Uma vez que você permita essa nova orientação e comece a se aceitar como um Ser Vibracional que atrai todas as coisas que acontecem em sua experiência, você começará uma deliciosa jornada em direção à Criação Deliberada. Uma vez que você comece a entender a correlação entre o que você está pensando, o que está sentindo e o que está recebendo, você estará nessa jornada. Agora você tem todas as chaves necessárias para chegar de qualquer lugar onde esteja para qualquer lugar onde queira estar, em relação a tudo.

A maioria das pessoas não acredita que tem controle sobre suas crenças. Observam as coisas acontecendo ao redor delas e avaliam, mas normalmente sentem que não têm nenhum tipo de controle sobre as crenças que estão criando-as. Elas gastam suas vidas classificando eventos em categorias de bom ou ruim, desejado ou não desejado, certo ou errado – mas raramente entendem que têm a habilidade de controlar suas relações pessoais com esses eventos.

Suas emoções fazem com que você saiba se está permitindo, ou se está num estado de resistência com a conexão da Fonte.

Quando você continua a focar sobre qualquer pensamento, se torna muito fácil continuar focando sobre ele, pois a Lei da Atração coloca mais pensamentos similares à sua disposição. Assim, emocionalmente falando, você desenvolve certa disposição de humor ou atitude. Em termos de vibração, você adquire uma rotina vibracional, ou um estado pessoal característico.
Seu estado de humor é um bom representante do que você está convidando para sua experiência. Seu estado de humor, ou seus sentimentos gerais a respeito de algo, é uma indicação clara da vibração que você põe em prática.

Constantemente, em resposta a seus pedidos por algo, você sempre escutava que “dinheiro não cresce em árvores” ou que “somente porque você quer, não significa que vá ter”, e aquele “você, como todo mundo nessa família, deveria aprender a viver sem isso, essa é a maneira como as coisas são”... Por causa de anos de exposição a esses pensamentos de “necessidade”, seu hábito mental a respeito de dinheiro – seu jogo emocional – se tornou de baixa expectativa em relação ao sucesso financeiro. Assim, quando você pensa sobre dinheiro ou abundância, seu estado de humor ou atitude pessoal característica, imediatamente salta para o desapontamento, preocupação ou ira.

Um sentimento de paixão ou entusiasmo indica que há um desejo bastante forte focado no momento; um sentimento de ira ou vingança também indica que há um desejo bastante forte; no entanto, um sentimento de letargia ou aborrecimento indicam um desejo pouco focado naquele momento.

Quando você realmente, realmente quer algo e pensa sobre seu desejo e sente prazer com o pensamento, a vibração do seu pensamento está alinhada com seu desejo – e a corrente de sua Fonte está fluindo através de você para o desejo que você tem sem restrição ou resistência. Chamamos a isso de: permissão. Mas quando você realmente, realmente quer algo e se sente irado ou desapontado, isso significa que você está focado no oposto de seu desejo e, agindo assim, você está introduzindo uma vibração não harmônica à mistura e o nível da emoção negativa que você está vivenciando indica o nível de sua resistência à permissão do seu desejo.

Quando as emoções são fortes – sejam boas ou não – seu desejo é forte. Quando as emoções são fracas, seu desejo não é forte.

Quando as emoções trazem sentimentos ruins – sejam fortes ou fracos – você está no estado de não permissão da completude do seu desejo. Suas emoções são indicadores absolutos de seu conteúdo vibracional. Portanto, elas são reflexos perfeitos de seu ponto atual de atração. Elas ajudam-no a saber, a qualquer momento, se você está ou não permitindo a completude de seu desejo.

Suas emoções não criam, mas elas indicam o que você está atraindo. Se suas emoções estão ajudando-o a saber que sua escolha de pensamentos não está conduzindo você na direção em que você deseja ir, então faça algo sobre isso: abasteça sua conexão através da escolha de pensamentos que tragam melhores sentimentos.

Como falamos anteriormente, muito tem sido escrito sobre o poder do pensamento positivo e certamente somos patrocinadores dele.

Você tem a habilidade de direcionar seus próprios pensamentos; tem a opção de observar as coisas como elas são ou de imaginá-las como quer que elas sejam – e independente da opção que escolha, esteja você imaginando ou observando, o poder é o mesmo.

Você tem a opção de lembrar-se de algo como se estivesse acontecendo agora ou imaginar esse algo como você preferia que estivesse acontecendo. Você tem a opção de lembrar de algo que lhe dá prazer ou de algo que não lhe dá prazer. Você tem a opção de antecipar algo que você quer ou algo que não quer. Em cada caso, seus pensamentos produzem uma vibração íntima que iguala seu ponto de atração e, assim, circunstâncias e eventos se alinham harmonizando-se com as vibrações que você emite.

Você tem a habilidade de colocar sua atenção em qualquer coisa que decida, assim é possível distrair-se de algo não desejado e colocar a atenção em algo desejado.

Não é seu trabalho fazer as coisas acontecerem – as Forças Universais estão ai para isso.
Seu trabalho é simplesmente determinar o que quer.

Em relação à criação de sua própria experiência de vida, há uma única questão realmente importante a ser feita: Como posso me trazer para o alinhamento vibracional com os desejos que minha experiência produz?
E a resposta é simples: Preste atenção à maneira como se sente e deliberadamente escolha os pensamentos - sobre tudo – que fazem você se sentir bem quando você pensa neles.

A única razão pela qual você não vivencia nada diferente do que deseja é que você está dando a maior parte de sua atenção para o oposto do que deseja.

O que faz parecer difícil viajar de uma situação financeira sem solução para a abundância financeira é que você não está consciente de quando se volta e se põe na direção oposta. E a única razão pela qual sua viagem não o move para uma relação perfeita, completa, valorosa e desejada é que você não está consciente do poder de seus pensamentos e das palavras que trazem você de volta.

Quando você tomou a decisão entusiástica de vir neste corpo físico para criar, você entendeu, a partir de sua favorável perspectiva não física, que esse mundo físico não estava quebrado e com necessidade de reparo. Você não veio para consertá-lo.
Você viu este mundo físico como um ambiente criativo no qual você, e qualquer outra pessoa, poderia se expressar criativamente. Você não veio para tentar fazer com que os outros parassem o que estão fazendo a fim de fazerem outras coisas. Você veio para cá entendendo o valor do contraste e o equilíbrio na diversidade.

Cada ser físico em seu planeta é seu companheiro na co-criação e se você aceitar isso e apreciar a diversidade de convicções e desejos, todos vocês - todos vocês terão experiências muito mais grandiosas, satisfatórias e repletas de realizações.

Há espaço suficiente para toda a diversidade de pensamentos e experiências

De sua perspectiva não física em relação à enorme variedade de experiências, crenças e desejos que existe entre as pessoas do seu mundo, você não sente necessidade de omitir ou controlar alguns deles. Você entendeu que há espaço suficiente nesse Universo em expansão para todos os tipos de pensamentos e experiências.

A diversidade não amedrontou você, ao contrário, ela o inspirou; pois você sabia que cada um seria o criador de sua própria experiência e você entendeu que a exposição ao contraste inspiraria direções especificamente próprias a cada um, e que só porque outros escolheriam direções diferentes, isso não faria deles pessoas erradas e de você uma pessoa certa, ou, de você, uma pessoa errada e deles, pessoas certas. Você entendeu o valor da diversidade.

Se alguém não estiver recebendo o que foi pedido, não é porque há escassez de recursos;(...) Não há escassez. Não há falta. Não há competição por recursos. Há apenas a permissão ou a não permissão para receber o que você está pedindo.

O melhor presente que você poderia dar a alguém é você próprio ser feliz.

Quando você mantém expectativa sobre algo, esse algo está a caminho. Quando você acredita em algo, ele está a caminho. Quando você teme algo, isso está a caminho.

Você foi ensinado a encarar a realidade antes de saber que a estava criando... não encare a realidade a menos que seja a realidade que você queira criar – pois toda realidade apenas existe porque alguém a focou.

Quanto mais você quer algo, ou quanto mais tempo você foca em seu desejo, mais rápida a Energia se move.

Você precisa ser egoísta o bastante para alinhar-se com o Bem-Estar
Às vezes as pessoas nos acusam de ensinar o egoísmo. E concordamos. Na verdade, ensinamos o egoísmo, pois se você não for egoísta o bastante para deliberadamente alinhar-se com a Energia de sua Fonte, você não terá nada para dar a ninguém.
Alguns se preocupam, “Se eu adquirir algo que eu queira de uma forma egoísta, não seria injusto tirar dos outros?”. Mas essa preocupação é baseada num conceito errôneo de que há um limite para a abundância disponível. Eles se preocupam achando que se receberem muito da torta, outros ficarão sem nada, enquanto – na realidade – a torta se expande na proporção do pedido vibracional de todos vocês.

Você nunca diz “Eu me sinto culpado sobre a abundância de saúde que eu tenho tido, então decidi que estarei doente pelos próximos anos de forma a permitir que alguém que tem estado doente tenha a oportunidade de usar minha porção de saúde para si mesmo”. Pois você entende que estando bem, você não está privando ninguém de ser saudável.

Quando seu desejo se parece tão grande de forma a parecer inalcançável, ele não está no departamento da manifestação. No entanto, quando ele se parece com o próximo passo mais lógico, então ele está no departamento da manifestação.

Quando você se lembra de um incidente do passado, você está focando Energia. Quando você imagina algo que pode acontecer no seu futuro, você está focando Energia. E, é claro, quando você está observando algo em seu presente, você está focando Energia. Não faz diferença se você está focalizando o passado, o presente ou o futuro; você está focando Energia – e sua atenção, ou foco, faz com que você emita uma vibração que é seu ponto de atração.

Muitos dizem “Assim que isso mudar, eu me sentirei melhor. Quando eu tiver mais dinheiro, ou me mudar para uma casa melhor, ou encontrar um emprego melhor, ou um parceiro melhor, então me sentirei melhor”. Não discordamos que é melhor observar algo prazeroso do que algo que não é, mas isto está muito longe da verdade.
Criação Deliberada não é sobre mudar a condição e, só então, sentir-se melhor em resposta à condição modificada. Criação Deliberada é sobre escolher um pensamento que traga bom sentimento quando você assim o escolher, que é o que provoca a mudança da condição.

Quanto mais você focalizar-se em coisas que façam você se sentir bem, mais fácil será manter essas freqüências vibracionais. E quanto mais você mantém essas freqüências positivas, mais a Lei da Atração irá trazer outros pensamentos, experiências, pessoas e coisas que se harmonizem com essa vibração prática.

Quando essa se torna sua intenção primária, conforme você vive seu dia encontrando coisas para apreciar, você começa a praticar a vibração da menor resistência e começa a fazer com que sua conexão com sua própria Fonte de Energia se fortaleça; pois a vibração da apreciação é a mais poderosa conexão entre seu ser físico e seu ser não físico. Esse processo o colocará numa posição onde você receba até mesmo uma clara orientação de seu Ser Interior.

Mesmo que você não entenda nada sobre a Lei da Atração, mesmo que você não entenda nada sobre sua conexão com sua própria Fonte de Energia, a prática desse processo fará com que você esteja praticando a Arte da Permissão mesmo sem saber – e todas as coisas que você identificar como objetos de seus desejos começarão a fluir para dentro de sua realidade. Quando você está no modo da apreciação, não há resistência em sua vibração. E sua resistência é a única coisa que o mantém afastado de qualquer coisa que você deseje.

Enquanto dirige para o trabalho, você pode pensar:
“Amo meu carro. Essa nova rodovia é maravilhosa! Mesmo que esteja chovendo, estou tendo um bom tempo. Acho meu carro bastante seguro. Sou grato por meu emprego.”

Quando você está no modo da apreciação das coisas, você percebe que seu dia começa a ficar cheio dessas coisas. Seus pensamentos e sentimentos de apreciação fluem de você naturalmente. E enquanto você estiver no meio desses sentimentos de apreciação, ondas de bem-estar, arrepios - essas sensações confirmam seu alinhamento com sua Fonte.

Toda vez que você aprecia algo, toda vez que você louva algo, toda vez que você se sente bem sobre algo, você está dizendo ao Universo "mais disso, por favor". Você não precisa declarar mais nada. E se você vive num estado de apreciação, todas as coisas boas fluem para você.

Sempre nos perguntam “o amor é uma palavra melhor do que a apreciação?” O amor não descreve bem a energia não física? E dizemos que o amor e a apreciação são a mesma vibração. Alguns usam a palavra “gratidão”, ou um sentimento de gratidão, mas todas essas palavras descrevem o Bem-Estar.

Quando você estiver mais interessado na forma como se sente do que na forma como os outros se sentem a seu respeito, você terá controle de sua realidade.

A Caixa de Criação Mágica
Para começar o processo da Caixa de Criação Mágica, encontre uma caixa bonita, uma que o agrade quando você olha para ela. Na tampa, num lugar facilmente visível, escreva as palavras: tudo o que está contido nessa caixa: É!
A seguir, junte revistas, catálogos, panfletos e, devagar, olhe-os e verifique tudo neles que você gostaria de incluir em sua realidade. Recorte as imagens de tudo que exemplifica qualquer um dos desejos que você tem: figuras de mobília, roupas, paisagens, prédios, lugares, veículos, características físicas, fotos de pessoas interagindo com outras...se algo parece atraente a você, recorte e coloque dentro de sua Caixa de Criação. E diga, conforme coloca dentro da Caixa, “qualquer coisa que estiver contida nessa caixa: É!”.
Quando você estiver longe de sua caixa, continue a adquirir mais figuras e colocando-os na caixa quando retornar para sua casa. Se você testemunhar algo que gostaria de vivenciar, escreva uma descrição disso e coloque essa descrição dentro de sua caixa.
Quanto mais coisas você encontra para sua caixa, mais idéias que se harmonizam com elas, o Universo lhe dará. E quanto mais idéias você coloca em sua caixa, mais focado seu desejo se torna. E quanto mais seu desejo está focado, mais vivo você se sente, pois a Energia que flui através de você é o que a vida é.

Se você tem pouca ou nenhuma resistência, se você não tem dúvidas de que pode alcançar essas coisas, a experiência será revigorante para você. Quanto mais você recorta, melhor você se sente e começará a ver as evidências dessas coisas se movendo mais e mais para sua realidade. Portas começarão a se abrir para possibilitar que essas coisas se aproximem mais e mais facilmente em direção a você.

Quando você visualiza, você tem um controle criativo completo

Este processo pode parecer cheio de caprichos para você, mas é um processo poderoso, pois ele aumentará sua habilidade de visualização. A maioria das pessoas emite mais vibrações em resposta ao que observam, mas não há controle criativo nisso. Seu controle criativo vem apenas na emissão do pensamento deliberado – e quando você está visualizando, você tem um controle completo.

Escreva uma pequena lista das coisas que vêm facilmente em sua mente, coisas que você deseja exatamente agora, a respeito de seu corpo.
Por exemplo: Quero retornar ao meu peso ideal; quero ter um bom corte de cabelo; quero adquirir algumas roupas novas e fabulosas; quero me sentir forte e elegante.
Agora se foque em cada declaração de desejo que você escreveu sobre seu corpo e escreva as razões pelas quais você quer cada uma delas.
Por exemplo:
Quero retornar ao meu peso ideal porque me sinto melhor quando estou com aquele peso; porque conseguirei usar algumas de minhas roupas favoritas; porque será divertido comprar roupas novas.
Quero ter um bom corte de cabelo porque quero ficar bonito; porque um bom corte de cabelo é mais fácil de manter; porque quando meu cabelo está bem cortado, levo menos tempo para ficar bonito.
Quero adquirir algumas roupas novas e fabulosas porque roupas novas sempre me fazem sentir melhor; porque gosto de me sentir bonito; porque gosto que as pessoas me olhem de uma forma positiva; porque elas me dão uma nova perspectiva.
Quero me sentir forte e elegante porque amo o sentimento da resistência; porque adoro ter energia para fazer todas as coisas; porque simplesmente é ótimo sentir-se ótimo!

Quando você faz declarações de desejos mais especificas, você ativa a Energia ao redor daqueles tópicos. E quando você pensa sobre a razão pela qual você escolhe essas coisas, você pode suavizar sua resistência em relação ao tópico enquanto acresce mais clareza e poder aos pensamentos. O “porque” de você querer algo define a essência do que você quer. O Universo sempre lhe dá da essência vibracional de seu desejo.

Agora complete as outras três categorias (Minha Casa; Meus Relacionamentos; Meu Trabalho).

Escreva uma lista curta para as coisas que você deseja e que vêm facilmente à sua mente, sobre sua casa.
Por exemplo: Eu quero adquirir alguns móveis bem bonitos; Eu quero ser mais organizado.

E agora, escreva as razões pelas quais você quer essas coisas.
Eu quero adquirir alguns moveis bem bonitos porque é divertido fazer mudanças; porque eu adoro me entreter e quero sentir-me bem em minha casa; porque será mais fácil me organizar; porque mobília nova melhora a casa.

Escreva uma pequena lista das coisas que você deseja e que vêm à sua mente facilmente, exatamente agora a respeito de suas relações (escolha relações que lhe pareçam mais significantes nesse momento).
Eu quero gastar mais tempo com essa pessoa; Eu quero que nos divirtamos mais juntos; Eu quero sair para jantarmos fora com mais constância; Eu quero relaxar mais e brincar mais.
Eu quero gastar mais tempo com essa pessoa porque eu sinto meu melhor quando estamos juntos (as); porque não há ninguém com que eu goste mais de estar; porque temos muitas coisas divertidas a respeito do que falar; porque amo muito essa pessoa.
Eu quero que nos divirtamos mais juntos porque isso é a primeira coisa que gostamos um no outro; porque eu adoro rir; porque eu amo encontrar mais coisas divertidas para fazer; porque ter diversão me faz sentir muito bem.
Eu quero sair para jantarmos fora com mais constância porque isso me lembra da primeira vez que nos encontramos; porque eu amo o luxo de alguém mais cozinhando; porque eu gosto de relaxar em um bom lugar e ficar centrado em meu parceiro; porque há muitas coisas maravilhosas para comer.
Eu quero relaxar mais e brincar mais porque somos seres brincalhões por natureza; porque adoro o sentimento de liberdade de estar com alguém para relaxar; porque nossas melhores idéias aparecem nessas condições; porque isso melhora nossa relação.

Escreva uma lista pequena das coisas que você deseja, que vêm à sua mente facilmente, exatamente agora, a respeito de seu trabalho.
Eu quero ter mais dinheiro; Eu quero me sentir eufórico em relação ao que faço; Eu quero desfrutar da companhia das pessoas com quem trabalho; Eu quero sentir um forte senso de propósito.
Eu quero ter mais dinheiro porque eu quero comprar um carro novo; porque eu me sinto orgulhoso das coisas que estou adquirindo; porque há muitos lugares divertidos aonde ir e coisas interessantes para fazer; porque me sentirei bem ao pagar algumas contas.
Eu quero me sentir eufórico em relação ao que faço porque o trabalho é uma parte significativa em minha vida e ser feliz lá é importante; porque me faz sentir bem interessar-me pelo que estou fazendo; porque o dia passa mais rápido quando me sinto revigorado; porque é bom sentir-se bem.
Eu quero desfrutar da companhia das pessoas com quem trabalho porque elas são uma parte importante de minha vida; porque temos grande valor uns para os outros; porque toda interação tem um potencial maravilhoso; porque gosto de entusiasmar os outros.
Eu quero sentir um forte senso de propósito porque quero fazer a diferença; porque amo conceber uma idéia e fazê-la funcionar; porque adoro a sensação de querer ir para o trabalho; porque amo a experiência de ter uma boa idéia.

Esse processo o ajudará a manter sua vitalidade fluindo em direção à Energia focada nos principais tópicos de sua experiência pessoal.

Não tente escrever tudo o que você quer em relação a cada um dos quatro tópicos. Escreva apenas as coisas que são mais imediatas em sua mente.

Alguém nos disse “Abraham, tenho um trabalhão para realizar visualizações. Quando penso em entrar na Realidade Virtual, me dá um branco, não sei como fazer isso”.
E falamos “Você se lembra dos eventos que aconteceram? Se você se lembra, pode fazer a Realidade Virtual, pois nenhum deles está aqui agora, nesse momento; e quando você lembra, está recriando-os a partir de algo”.
Visualização, ou Realidade Virtual, não é diferente. É magia, mas com a única intenção de lhe dar prazer quando você a realiza.

O Jogo da Prosperidade
Nesse processo, você começará a estabelecer uma conta bancária imaginária. Ou seja, não haverá nenhum banco verdadeiro envolvido, mas você fará depósitos e checará as retiradas, como se fosse uma conta bancaria real. Você pode usar um sistema de talão de cheques velho, que não está usando mais, um programa de conta bancária em seu computador, ou até mesmo um sistema manufaturado usando um caderno como um registro de contas e pedaços de papel em branco para seus depósitos; É importante fazer com que esse processo se pareça tão real quanto possível.
No primeiro dia deposite R$ 1.000,00. E gaste-o. Ou seja, faça o depósito de R$ 1.000,00 em seu sistema de registro, então preencha cheques para gastar todos esses dólares. Você pode gastar todo seu dinheiro em um único lugar, usando um único cheque, ou em várias coisas diferentes, usando vários cheques com valores diferentes. A intenção do jogo é se divertir pensando sobre o que você gostaria de comprar e apreciar o ato de preencher cheques reais.
Seja descritivo no canhoto do cheque. Por exemplo: “Para uma caneta lindíssima”, “um ótimo par de sapatos”, ou “inscrição no SPA Gordon”. Você pode gastar tudo em um único dia, guardar um pouco para o dia seguinte. No entanto, encorajamos você a fazer seu melhor para gastar no dia, pois amanhã você terá um outro depósito maravilhoso.
No segundo dia, deposite R$ 2.000,00.
No terceiro dia, deposite R$ 3.000,00.
No quarto dia, deposite R$ 4.000,00.
Quando você chegar no 500º dia, deposite R$ 500.000,00. Quando você chegar no 300º dia, deposite R$ 300.000,00.

Você será beneficiado pelo aumento de sua habilidade em imaginar. Em outras palavras, você descobrirá, quando jogar o jogo por algumas semanas, que ele começará a requerer uma concentração real no gasto de tanto dinheiro. Assim, sua habilidade para imaginar se expandirá tremendamente.

Veja, o Universo está respondendo à sua emissão vibracional, não a seu estado atual de ser. Assim, se você estiver dando sua atenção apenas a seu estado atual de ser, então seu futuro evolui na mesma base. Mas se você estiver focando sua atenção à essa maravilhosa expansão de idéias que esse jogo evoca de você mesmo, o Universo agora responderá às vibrações desses pensamentos.
O Universo não faz distinção entre a vibração que você emite em resposta ao que está vivendo e a vibração que você emite em resposta ao que está imaginando, assim o processo do jogo da Prosperidade é uma ferramenta poderosa para a alavancagem vibracional de seu ponto de atração.

Você pode jogar o jogo por um curto período de tempo ou durante um ano ou mais. O que você escolher será apropriado. No começo, você pode se sentir inadequado, mas quanto mais você praticar o jogo, mais expansiva sua imaginação se tornará. E conforme sua imaginação se expandir e você se focar no espírito de diversão e expansão, seu ponto de atração se elevará.

Não apenas você terá o beneficio da imaginação expandida, mas seu ponto de atração se elevará e sua vida experimentará essa elevação também. Não apenas sua situação financeira será melhorada, mas também toda a sorte de coisas em que você tem se atido com prazer começará a fluir para sua realidade.

Você pode começar o jogo ou pará-lo, e pode jogá-lo da maneira que preferir. Não há regras; não há nada que deva ou não fazer. Em outras palavras, pegue-o e brinque com ele. Gaste tanto quanto queira.

Brincando com esse Jogo da Prosperidade você não apenas melhorará sua situação econômica, cada aspecto de sua vida melhorará também. Esse jogo não apenas o ajudará a ativar mais vibrações ao redor das coisas que você quer, como o auxiliará a focar na maior parte do tempo, de uma maneira que permita que as coisas que você quer, fluam para dentro de sua realidade.

Jogar esse jogo fará com que você ofereça uma vibração mais expansiva. E é nossa promessa que as manifestações começarão a chegar em resposta às suas vibrações modificadas.

A única disciplina que gostaríamos que você exercitasse é tomar a decisão de que nada é mais importante que sentir-se bem; e de que você encontrará pensamentos que o façam sentir-se melhor.

Muitos mestres, e estamos entre eles, ensinam que a Meditação é um processo muito bom para elevar a vibração.
Agora, há outras formas de elevar suas vibrações, diferentes da Meditação, como escutar músicas que façam seu coração cantar, correr num lugar bonito, acarinhar seu gato, andar com seu cachorro, e assim por diante. Essas são apenas algumas das tantas atividades prazerosas que provocam uma liberação da resistência e uma elevação na vibração.

Quando você dorme, você mergulha de volta à Energia do Não Físico e conversa (não em palavras, mas vibracionalmente). E quando você está despertando, você traduz aquele bloco de pensamentos no equivalente físico. Às vezes quando você quer algo por um longo tempo mas não vê uma forma de aquilo acontecer, você experienciará um sonho onde aquilo acontece. E, na rememoração prazerosa do sonho, você suaviza sua vibração de resistência e, então, seu desejo pode ser realizado.

Fale com seu Ser Interior sobre o que você quer e a razão pela qual quer. E deixe seu Ser Interior oferecer a você, em seu estado de sonho, imagens através das quais você pode deixar a Energia fluir, que provocarão seu estado vibracional a ser o que você quer ser. E a Lei da Atração trará aquilo para você.

Seus sonhos são manifestações de seu ponto vibracional de atração, então você pode avaliar seus sonhos para determinar o que você está realmente fazendo com sua vibração. Seus sonhos são uma espécie de pré-rastreadores do que está por vir, assim você pode avaliar o conteúdo de seu sonho, você pode determinar com freqüência qual é o seu ponto de atração e, então, se você não deseja viver o que sonhou, você pode fazer algo sobre mudar isso.

E, assim, você acorda e diz “Ah, eu não quero isso!”.
E aí você diz “O que eu quero? E por que eu quero isso?”. E então você começa a fluir sua Energia de forma produtiva em direção ao que quer, transmutando sua Energia e, através disso, mudando sua experiência futura.

A maioria das pessoas não foi apresentada à vida por alguém que sinalizava os aspectos positivos dela; ao invés disso, a maioria foi apresentada à vida por alguém que dizia “Cuidado com o buraco da Sexta Avenida!” E por causa dessa orientação negativa, a maioria é consumida pelo buraco.
Deixe-nos contar que alguém que foi diagnosticado como um doente terminal; seu médico lhe deu uma sentença de morte. E assim, a maioria de seu corpo, mais de 99% dele, assim como nessa cidade mágica – está funcionando bem. Todas as artérias do trânsito estão funcionando muito bem. Mas como o médico deu atenção a isso, agora essa pessoa está dando sua completa atenção ao “buraco” – até que ele acabe consumindo sua cidade.

Tire sua atenção dos buracos da cidade

Dê atenção ao que lhe faz sentir-se bem

A roteirização o ajudará a quebrar seu hábito de falar a respeito das coisas como elas são e o ajudará a começar a falar sobre elas como você gostaria que elas fossem. Roteirizar o ajudará a emitir sua vibração deliberadamente.

O propósito desse processo é praticar o sentimento da vida que você gostaria de viver. O Universo não sabe, ou se importa, se você está vibrando em resposta a algo que você está vivendo ou em resposta a algo que imagina – em ambos os casos, o Universo lhe trará isso.

Se você rememora seu roteiro com constância o bastante, você começará a aceitá-lo como a realidade e quando você está aceitando da forma como você aceita a realidade – o Universo acredita nisso e responde da mesma forma.
Normalmente você não consegue articular tudo o que quer na primeira vez em que declara o que quer, assim quanto mais você fala a respeito, mais você se alinha com aquilo. Mas quando você diz “quero isso”, o Universo começa a manifestar isso, então você diz “Eu gostaria que isso fosse desse jeito”, aí o Universo modifica aquilo. E você diz “e um pouco disso nisso poderia ser ótimo”, e o Universo...você percebe onde queremos chegar? Uma vez que você tenha zerado esse assunto e sabe o que quer – aquilo está a caminho para você. Está feito.

Eis a chave para sua Criação Deliberada: veja-se como um ímã, atraindo para você, da forma como se você sente, em qualquer ponto de tempo. Quando você se sente claro e no controle, atrai circunstâncias de clareza. Quando se sente feliz, atrai circunstâncias de felicidade. Quando se sentir saudável, atrai circunstâncias de saúde. Quando se sente próspero, atrai circunstâncias de prosperidade. Quando se sente amado, atrai circunstâncias de amor. A maneira que você se sente é seu ponto de atração.

Quando você diz “quero que isso que ainda não aconteceu, aconteça”, você está apenas ativando a vibração de seu desejo, mas também está ativando a vibração da ausência de seu desejo – assim, nada muda para você. E normalmente, mesmo quando você não fala a segunda parte da sentença e diz apenas “Quero que isso aconteça”, há uma vibração não falada dentro dela que continua a impedir você num estado não permissivo em relação a seu desejo.
Mas quando você diz “não seria bom se esse desejo acontecesse para mim?”, você alcança uma expectativa diferente, cuja natureza é de menor resistência.
Sua pergunta a si mesmo naturalmente induz uma expectativa mais positiva como resposta. Assim, esse simples, mas poderoso jogo, provocará o aumento de sua vibração e uma melhora em seu ponto de atração pois ele naturalmente orienta você em direção às coisas que você deseja. O Processo “Não seria bom se...?” o ajudará a permitir as coisas que você tem pedido, em todos as áreas.

A razão pela qual o jogo “Não seria bom se..?” é tão importante e poderosa é porque quando você diz “Não seria bom se...:”, você está escolhendo algo que quer e está leve e permitindo isso.

Por exemplo, deixe-nos supor que você quer reduzir seu peso. Eis um bom exemplo do “Não seria bom se...?”:
Não seria bom se eu tropeçasse em algo que realmente funcionasse para mim?
Não seria bom se meu metabolismo começasse a cooperar um pouco mais comigo?
(...)
Não seria bom se eu pudesse encontrar alguém que tivesse se deparado com algo que realmente funcionasse para si e que pudesse, também ser uma luz para mim?
Não seria bom se eu pudesse conclamar o peso que eu tinha quando eu tinha essa ou aquela idade?
Não seria bom se eu me parecesse agora como quando estava nessa foto?

Não seria bom se meu corpo físico estivesse alinhado com meu sonho?

Não seria bom se as células de meu corpo cooperassem com a figura mental que mantenho?

Brincando de forma agradável com esse jogo, o que acontece é que você se mantém no estado de alinhamento.

Uma outra coisa: não espere resultados instantâneos. Saiba que tudo virá em seu devido tempo. Em outras palavras, você está encorajando – através do pensamento e comportamento – uma comunidade celular, uma grande parte de quem você é, a ser extinta. E assim, algumas células irão cooperar e todas elas vão fazer parte dessa cooperação. Elas não estão se sacrificando, elas não vão promover um pequeno funeral celular antecipadamente. Não há pranto em jogo, tipo “Ah, ela/ele vai matar 25% de nós”.
O que está acontecendo é que há uma espécie de alinhamento coletivo. Suas células estão se preparando. E nessa preparação e nesse estar pronto, todas as coisas vão começar a se alinhar; coisas que você não poderia orquestrar mesmo que tentasse. Seu corpo sabe o que fazer. Seu corpo concordou ativamente e de forma alinhada com tudo isso.
Assim, se você brinca gentilmente com o “Não seria bom se...?”, deixe o resto de seu aparato físico para a sabedoria celular, o que significa que não é seu trabalho ser o fiscal da comida mais do que é seu trabalho decidir quais células devem ir embora.
Qualquer que seja o tema de seu desejo, há uma orquestração que começa a ganhar lugar em resposta ao jogo “Não seria bom se...?” que você está jogando.
Em qualquer época que você comece a brincar com esse jogo e acredite que tudo o mais se alinhará – isso acontecerá.

O jogo “Que pensamento traz melhor sentimento?”
(...)
Você acabou de se desentender com sua filha porque ela não faz nenhum esforço para ajudar com as coisas da casa. Ela nem mesmo cuida de suas coisas pessoais e seu próprio quarto é uma bagunça terrível. Ela parece não se importar pelo esforço que você está fazendo para manter o ambiente em ordem. Não apenas não tenta ajudar, mas parece que deliberadamente tenta estorvar você. Então, você escreve:
“Ela (ou escreva o nome de sua filha) está deliberadamente tentando deixar minha vida mais difícil. Ela não se importa comigo. Ela nem mesmo faz sua parte”.
Assim que você tenha escrito algumas declarações que indiquem como você realmente se sente agora, faça essa declaração para si mesmo. “Terei alguns pensamentos sobre esse assunto, que me façam sentir um pouco melhor”. Agora que você escreveu cada pensamento, avaliou se eles o fazem sentir-se melhor, na mesma ou pior do que quando você começou, escreva:
Ela nunca me escuta (na mesma)
Quero que ela seja mais responsável (na mesma)
Eu deveria ter ido atrás dela (na mesma)
Eu deveria ter ensinado-a melhor (pior)
Desejo que o pai dela me desse mais apoio (pior)
Uma casa limpa é importante para mim (levemente melhor)
Sei que ela tem bastante coisa na mente (melhor)
Lembro-me como é ser uma adolescente (melhor)
Lembro-me quando ela era uma doce garotinha (melhor)
Gostaria que ela ainda fosse aquela doce garotinha (pior)
Não sei o que fazer sobre isso (pior)
Bom, não tenho que agir assim hoje (melhor)
Há muitas coisas nela que eu adoro (melhor)
Sei que a vida é mais do que uma casa limpa (melhor)
Deveria ser certo eu querer uma casa limpa (pior)
Tudo bem que eu queira minha casa limpa (melhor)
Tudo bem que ela não se importe com isso agora (melhor)
Lembre-se, não há respostas certas ou erradas aqui e ninguém pode realmente saber quais de seus pensamentos trazem um melhor ou um pior sentimento para você mesmo.
O valor desse processo é que ele o fará se tornar mais consciente sobre como seus pensamentos o fazem sentir-se – e você se tornará mais apto para escolher melhores pensamentos.
Muitos perguntam “mas quão bom será sentir-me bem sobre os hábitos errados de minha filha? Meus pensamentos não mudarão o comportamento dela.”
Queremos dizer-lhe que seus pensamentos mudam o comportamento de todo mundo e de tudo que tem a ver com você. Pois seus pensamentos categorizam seu ponto de atração e quanto melhor você se sente, mais todos e tudo ao seu redor melhoram.
No momento em que você acha um sentimento melhor, as condições e circunstâncias mudam para se compatibilizar com seu sentimento.
O jogo “Que pensamento traz melhor sentimento?” o ajudará a começar a perceber o poder que seus próprios pensamentos têm para influenciar tudo ao seu redor.

Que pensamento traz melhor sentimento? Ficar maluco consigo mesmo porque sua cozinha ainda não está reformada como poderia estar ou saber que é uma cozinha perfeita por enquanto e que sempre estará se expandindo – exatamente como você sempre estará crescendo? Que pensamento traz melhor sentimento?
Apreciar ou condenar?
Que pensamento traz melhor sentimento? Aplaudir o que você tem feito ou sentir-se crítico por não ter feito o bastante?
Pense sobre isso: Que pensamento traz melhor sentimento?

Um ambiente bagunçado pode causar um ponto de atração bagunçado. Se você vive cercado por trabalho inacabado, cartas não respondidas, projetos incompletos, contas não pagas, tarefas negligenciadas, montanhas de papéis, revistas perdidas, catálogos e uma mistura de toda sorte de itens – elas podem afetar negativamente sua experiência de vida; pois tudo carrega sua própria vibração e como você desenvolve uma relação vibracional com tudo em sua vida, seus pertences pessoais têm um impacto na maneira como você se sente e em seu ponto de atração.

Todos vocês têm a capacidade da atração e quando seu processo está entulhado com coisas que você não quer mais, a nova atração fica lenta – e você acaba sentindo frustração ou opressão.

O Processo da Pivotagem
A Lei da Atração garante que qualquer coisa na qual você se foque predominantemente irá fluir para dentro de sua experiência.

Quando você se sente mal, você está no processo de atrair algo que não lhe dá prazer. E é sempre porque você está focado na falta do que quer. Portanto, o Processo da Pivotagem é a decisão consciente de identificar o que é que você quer. E não queremos dizer que o sentimento da emoção negativa é uma coisa ruim, pois, constantemente, no sentimento da emoção negativa, você é alertado para o fato de que você está no processo da atração negativa. Assim, ele funciona como uma campainha, sendo uma parte de seu sistema de orientação.

Encorajamos você, fortemente, a não se debater contra si mesmo quando reconhece que está sentindo uma emoção negativa. Mas assim que puder, pare e diga “estou sentindo algum tipo de emoção negativa, o que significa que estou no processo de atrair o que não quero. O que é que eu quero?”.

Um processo muito simples de pivotagem seria dizer “quero me sentir bem”. A qualquer hora em que você estiver se sentindo mal, pare e diga “O que quero é me sentir bem”. E se você agir assim, os pensamentos começarão a vir para você, a partir do lado positivo da equação. E como um pensamento atrai outro, atrai outro, e atrai outro, logo você começará a vibrar na freqüência harmônica com seu grande conhecimento. E você estará realmente agindo em termos da criação positiva.

Encontrando o Lugar do Sentimento
Seu objetivo, nesse processo, é conjurar imagens que o façam oferecer uma vibração que permita dinheiro. Seu objetivo é criar imagens que o façam sentir-se bem. Seu objetivo é encontrar o lugar do sentimento de ter dinheiro o bastante, mais do que encontrar o lugar do sentimento de não ter dinheiro suficiente.

Finja que tem tanto dinheiro que não sabe nem onde pode mantê-lo; imagine que tem toneladas de dinheiro na despensa e sob a cama.

Quando você finge, ou se lembra de forma seletiva, você ativa novas vibrações – e seu ponto de atração se alavanca.

Quando você está genuinamente excitado pelo sucesso dos outros, isso significa que você está no rastro do seu próprio.

Não há nada que você não possa ser, fazer ou ter; vocês são Seres abençoados e vieram aqui para esse ambiente físico para criar. Não há nada segurando-o que não seja seus próprios pensamentos contraditórios. E sua emoção lhe diz todas as vezes em que você tiver esses pensamentos.

Você pode permanecer nesse corpo indefinidamente se puder permitir que seu ambiente continue a produzir desejos novos, contínuos, puros, sem resistência, convocadores de vida.

Toda morte é auto-imposta

Toda morte é um suicídio porque toda morte é auto-imposta.

O Universo não responde às palavras; ele responde à sua emissão vibracional, que é acurada e sempre acompanhada de suas emoções.

0 comentários: